Acolhamos a graça de Deus...

Que nossa Mãe Auxiliadora e Mãe da Igreja nos ajude a vivenciar, profundamente, esta Quaresma, assim como, caminhar e servir em todos os cantos da Terra e "Com Jesus, a percorrer juntos a aventura do Espírito".

Atual Diretora da Casa Mamãe Margarida

Ir. Irailde Carvalho é a nova Diretora da Casa Mamãe Margarida empossada hoje. 
A Inspetoria Laura Vicuña deseja-lhe muita sabedoria divina para sua missão! 


A Inspetoria Laura Vicuña está em festa. 70 anos de Vida Religiosa de Ir. Ana e Ir. Helena! 
A elas nossos parabéns, orações e preces.



Solidariedade Natalina

A novena do Natal produziu bons frutos entre os funcionários da Inspetoria Laura Vicuña. Parabéns Mayra pela coordenação. Continuem não somente no Natal, mas, sempre que se fizer necessário, porque a solidariedade é um dos bonitos gestos que podemos fazer.



DOMzinho: PEÇA DA CASA MAMÃE MARGARIDA VENCE 1º FESTIVAL DE TEATRO SALESIANO

Valter Calheiros


A Inspetoria Salesiana Missionária da Amazônia, através da Pastoral Juvenil Salesiana promoveu nos dias 14 e 15 de agosto o 1º Festival de Teatro Salesiano que teve como tema “Vida e Sonho de Dom Bosco”. O evento realizado no Auditório da Faculdade Salesiana de Manaus faz parte das comemorações do bicentenário do nascimento do fundador dos Salesianos e do Centenário da presença da Congregação Salesiana na Amazônia. Dom Bosco nasceu na Itália no dia 16 de agosto de 1815 no lugarejo denominado Becchi, município de Castelnuovo d’Asti.

O festival de teatro contou com adolescentes, jovens e educadores que participam das Casas Salesianas de Manaus, como o Pro Menor Dom Bosco, Obras Sociais e Paróquia de São José Operário do Aleixo, Escola Madre Mazzarrelo, São José Operário do Centro, Colégio Auxiliadora, e a Casa Mamãe Margarida que participou com a peça de teatro e com uma apresentação de dança da Companhia de Dança Arte Sem Fronteiras. As apresentações teatrais tiveram como referência obras da literatura Salesiana que retratam a vida de Dom Bosco, dentre elas,  Memórias do Oratório de São Francisco de Sales e Acima e Além: os sonhos de Dom Bosco.
A proposta do festival propõe aos participantes despertar a criatividade juvenil no campo artístico, animar grupos de teatro nas comunidades e fundamentalmente reanimar a vivência e prática do carisma da família salesiana que desde o início de sua formação, ainda com a presença de Dom Bosco, teve nos pátios dos oratórios forte vivências de práticas educativas que incluíam o teatro como forma de atender aos anseios juvenis ao lado da música e dos esportes.
Para o coordenador de Pastoral dos Salesianos da área de Manaus, Ilton Marques, a comemoração do bicentenário de nascimento de Dom Bosco, proporcionou a realização de momentos históricos, onde destaca a peregrinação salesiana até o município de São Gabriel da Cachoeira no rio Negro, fazendo uma viagem em barco regional repetindo o percurso dos primeiros missionários que há 100 anos por lá estiveram e fundaram as missões junto aos povos indígenas. Ilton Marques considera que a realização do primeiro festival de teatro e do show cultural com música e dança pode ser considerada como conclusão e ao mesmo tempo o início de uma retomada do método educativo utilizado por Dom Bosco desde os primórdios do oratório salesiano. Para a animação dos eventos comemorativos, em especial o festival de teatro, contamos com a articulação do GT de pastoral com a presença  das Filhas de Maria Auxiliadora (FMA), Salesianos (SDB), do conselho da AJS dos Salesianos, leigos  e membros da Família Salesiana que atuam em diversas pastorais das comunidades.
Na véspera do aniversário de nascimento de Dom Bosco, 15 de agosto, na quadra de esportes do Colégio e Faculdade Dom Bosco foram apresentadas atrações culturais com música e dança e realizada a premiação dos vencedores do 1º Festival de Teatro Salesiano, ficando em 3º lugar a apresentação teatral da Paróquia de São José Operário do Centro, em 2º lugar a apresentação do Colégio Auxiliadora e o 1º lugar ficou com a apresentação das meninas da Casa Mamãe Margarida com o espetáculo DOMzinho.
A peça teatral DOMznho é uma realização de Mazzarello Companhia de Artes - Casa Mamãe Margarida, encenada por 16 adolescentes e jovens que participam do projeto social da instituição. No espetáculo as meninas buscam através do seu esforço e talento contribuir e ampliar a discussão sobre as questões de violência e abandono que envolve centenas de crianças de nossa cidade, tendo como referência a história da vida e o carisma de Dom Bosco. O texto DOMzinho é de autoria de Elizeu Melo, adaptação e direção de Leonel Worton e a participação de uma equipe de educadores formado por Aline Moraes, Vanuza Campanini, Wilson Júnior, Luciano Moraes e Maria Carolina.
Para a irmã Liliana Lindoso, diretora da Casa Mamãe Margarida, o sucesso da participação do grupo de teatro e de dança da Casa é fruto de um trabalho voltado para promoção do protagonismo juvenil das meninas, do  empenho dos educadores, do apoio das comunidades e das famílias que participam do projeto. Outro fator que nos anima a continuar vem da colaboração de benfeitores e voluntários que acreditam em nossa obra social como um sinal da esperança e compromisso em acolher, defender e promover a vida de meninas que estejam vulneráveis ou já envolvidas nas várias formas de violência, sendo as principais o abandono do lar e da escola, uso de drogas, abuso e violência sexual e violência doméstica.
Diante das dificuldades para manter as atividades socioeducativas e de acolhimento institucional na comunidade, irmã Liliana destaca que o poder público e as empresas poderiam ajudar com mais freqüência as instituições sociais da cidade de Manaus, pois há muito tempo passamos por dificuldades financeiras, tendo como conseqüência a redução do atendimento. Destaca também que a instituição completou 29 anos de existência, tendo como parceiros mais freqüentes o governo do Estado do Amazonas (SEAS) a Prefeitura Municipal de Manaus (SEMED e SEMASDH), Justiça Federal e Estadual. Como incentivo às oficinas de dança e teatro a instituição conta com a parceria da PETROBRAS com o Projeto Acolher, Promover e Defender a Vida.
Sobre a peça de teatro DOMzinho, irmã Liliana destaca que a  mensagem fundamental é lembrar aos jovens e aos educadores que é necessário evangelizar sempre, que Deus nos ama e que seu amor tem que ser plantado por todos os lugares.





 
Inspetoria Laura Vicuña © 2012 | Designed by Cheap TVS, in collaboration with Vegan Breakfast, Royalty Free Images and Live Cricket Score